Page Nav

HIDE

Grid

LIST_STYLE

Pages

Classic Header

{fbt_classic_header}

Header Ads

Destaques

latest

Setembro Amarelo acende alerta sobre famílias de pessoas com deficiência intelectual

A prevenção ao suicídio. Este é o foco do Setembro Amarelo, campanha que teve início no Brasil, no...


A prevenção ao suicídio. Este é o foco do Setembro Amarelo, campanha que teve início no Brasil, no ano de 2015, pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), Conselho Federal de Medicina (CFM) e também pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), que vem desde então conscientizando a população sobre a importância de falar sobre o assunto. Uma situação que não é tão abordada é o cuidado necessário às famílias de pessoas com deficiência intelectual. Por esse motivo, o CENSA Betim, instituição que é referência nacional, há 57 anos, no suporte aos indivíduos com a condição, chama a atenção sobre a importância do acompanhamento psiquiátrico, já que conforme dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 800 mil pessoas tiram a própria vida todos os anos por motivos que envolvem a pressão do cotidiano e a depressão, muitas vezes oriundas dos desafios enfrentados durante a vida, como cuidar de uma pessoa que demanda um apoio generalizado nas diversas áreas da vida.

De acordo com Natália Costa, diretora do CENSA Betim, as famílias das pessoas devem procurar ajuda profissional quando sentirem que não estão conseguindo lidar com as situações do dia a dia. "O Setembro Amarelo é necessário lembrar a sociedade de que todos precisam se cuidar. No caso do círculo familiar das pessoas com deficiência, lembro que a rotina demanda cuidados específicos e pode ser bem exaustiva, tanto física quanto psicologicamente. O acompanhamento profissional é muito eficaz para nos ajudar a ter resistência para o enfretamento das adversidades da vida", comenta.

Segundo Natália Costa, não somente os familiares precisam ter um acompanhamento psiquiátrico e psicológico, mas também, os filhos com deficiência. "No caso das pessoas com deficiência, o acompanhamento profissional é fundamental para a aquisição de uma melhor qualidade de vida. Temos casos aqui no CENSA de indivíduos acompanhados pela nossa equipe transdisciplinar, que inclui psicóloga e psiquiatra, que apresentaram uma melhora substancial do quadro emocional e consequentemente maior sucesso nas interações sociais. Isso só reforça a importância deste tipo de trabalho. Portanto, seja para a sociedade como um todo, ou para as famílias de pessoas com deficiência, ao menor sintoma de depressão, procure ajuda", recomenda.

CENSA Betim

O CENSA foi fundado em 1964 pela educadora Ester Assumpção, mulher à frente de seu tempo, que trabalhou com Helena Antipoff no Instituto Pestalozzi. Dona Ester, como era carinhosamente chamada, acolhia em seu próprio lar crianças com deficiência cujas famílias não podiam fixar residência em Belo Horizonte. Assim nasceu o CENSA, de um sonho, um ideal de uma educadora, cujo desejo de cuidar e amparar crianças com deficiência e suas famílias era genuíno e se materializou em quatro instituições por ela fundadas: CENSA, APEX, Instituto Ester Assumpção e Clínica São José. "Lembrar de Ester Assumpção é honrar nossas raízes, zelar por esse legado que recebi e sinto-me privilegiada de servir com afinco e alegria. Sou da terceira geração de gestoras de uma organização que nasceu, primeiro no coração de uma mulher magnífica, e se materializou através de muitas mãos, sendo hoje referência nacional no atendimento transdisciplinar da pessoa com deficiência intelectual na idade adulta", pontua Natália Costa.

Natália Costa lembra que milhares de pessoas tiveram suas vidas transformadas pelo CENSA. "Nesses 57 anos, mais de dois mil alunos com deficiência intelectual já passaram por aqui, o que ajudou não só as famílias dos educandos, estimulando a inclusão e a educação, como também na formação de mão de obra especializada, já que antigamente o local abrigava o hospital Nossa Senhora D'Assumpção, que possuía residência médica na área de psiquiatria", relembra. Com cerca de 100 educandos atualmente, a instituição possui uma equipe de profissionais da área da saúde e educação que somam esforços para criar condições favoráveis para o desenvolvimento e a inclusão desses indivíduos. Além disso, o CENSA é um espaço de formação e parceria com escolas públicas e privadas, além de faculdades e universidades. Seus profissionais estão sempre engajados na produção científica de artigos, livros e teses e, com isso, se mantêm atualizados na busca de soluções estruturadas para pessoas com deficiência intelectual e seus familiares.

CENSA Betim

Local: Rodovia Fernão Dias, Km 494 – S/N Betim – MG

Instagram: @censabetim

Facebook: https://www.facebook.com/censabetim/

Site: www.censabetim.com.br


Nenhum comentário