Header Ads



Distritais aprovam criação de gratificação de R$ 2000 para agentes de vigilância ambiental

Os agentes atuam no combate ao mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue e de outras doenças


Foto: Carlos Gandra.

A Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou na noite desta quarta-feira (30) o projeto de lei nº 2660/2022, do Executivo, que cria a Gratificação de Atividades de Vigilância Ambiental em Saúde (GAVAS) para os agentes de Vigilância Ambiental em Saúde da Secretaria de Saúde do Distrito Federal. O projeto foi aprovado com 18 votos favoráveis e segue agora à sanção do governador Ibaneis Rocha.

Na justificativa da proposta, o governo informa que a gratificação será concedida a título de incentivo pelos trabalhos prestados à população e ao Sistema de Saúde. A gratificação será paga no valor de R$ 2.000,00.

Os agentes atuam no combate ao mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue e de outras doenças. O presidente da Comissão de Economia, Orçamento e Finanças (CEOF), deputado Agaciel Maia (PL), informou que o pagamento da gratificação terá um impacto estimado de R$ 11,6 milhões em 2022.

Postar um comentário

0 Comentários